ENTRADAS: MATERIAIS DOS EUA

Entrou no ARQUIVO / BIBLIOTECA um número muito elevado de livros, publicações, brochuras, revistas, jornais, fanzines, postais, cartazes, pins, etc., adquiridos em várias cidades numa viagem aos EUA. O grosso do material teve origem em duas livrarias de Nova Iorque, a Revolution Books ligada ao Revolutionary Communist Party, e a Bluestockings, uma livraria feminista em Chinatown. O número de espécies aproxima-se de 400, e o peso do conjunto do material trazido bateu o meu recorde pessoal por viagem: 106 quilos.  O peso de um dos sacos era tanto que literalmente se desfez nas transferências entre aviões, embora, felizmente, não se tenha perdido nada.

Os materiais cobrem vários grupos da extrema-esquerda comunista e  maoísta  americana e da América Latina, e publicações anarquistas, feministas, de género (homossexuais e lésbicas, transexualidade), fanzines alternativos, etc. Pouco a pouco esses materiais serão aqui divulgados. Alguns exemplos:

 

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply