ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS DE 2013 – POR QUE É QUE O EPHEMERA CONTA?

P1010780A luta contra o tempo e a destruição.

Ontem, debaixo de chuva intensa, vários voluntários do EPHEMERA e eu próprio andamos por rotundas e estradas, ruas e sedes (a maioria fechadas e já a fechar) para fazer um último levantamento de cartazes, outdoors, panfletos, “brindes” que permitam guardar parte da memória destas eleições, antes de começarem a desaparecer. De cada vez que se recolhe mais alguma coisa (ontem, cerca de 500 novas fotos de cartazes, outdoors e sedes) , reforça-se a ideia de que o número de itens produzidos é vastíssimo. Com todo este esforço colectivo, talvez se chegue a 10% do total, não mais. Mas hoje continua o trabalho, com a ida às sedes para recolher principalmente cartazes e material em papel e “brindes”. Várias candidaturas prometeram-me o envio dos materiais, e alguma insistência terá que ser feita.

Monday, 30 de September de 2013 (3)

O EPHEMERA ontem.

Ainda há muito trabalho a fazer, muitos materiais a publicar, mas o EPHEMERA cumpre a sua função de registo histórico da actividade política em Portugal, de todos os partidos, grupos, movimentos, etc., sem excepção, da extrema-direita à extrema-esquerda, Nos momentos cruciais é aqui que vêm interessados e jornalistas e, mais tarde, académicos procurar informação que necessitam, muitas vezes em tempo real. O número de visitas no dia de ontem e o acréscimo sustentado durante todo o período pré-eleitoral e eleitoral revela isso mesmo, assim como as procuras retrospectivas relativas às eleições de 2009.

Vamos agora continuar a publicar o que foi recolhido e continuar a completar as pastas já abertas.

Obrigado a todos que colaboraram e colaboram neste trabalho..

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply