ENTRADAS: UM PEQUENO ESPÓLIO DE HENRIQUE DE BARROS

Carta da North-Eastern Agriculture Cooperative (em Aberdeen) para Henrique de Barros, 25 de Outubro de 1950.

Um dos prazeres da actividade de caça e recolecção é encontrar nos mais improváveis lugares e, numa situação de grande risco, pequenos espólios que, identificados, organizados e classificados, acabam por ser salvos e contribuir para a investigação e o estudo. Foi o caso de um conjunto de papéis que adquiri há meses, praticamente destinados a serem transformados em pasta de papel. Há muita coisa misturada, fotos, brochuras, correspondência, papéis legais, documentos pessoais, tudo num estado caótico e sem qualquer ordem.

Numa primeira observação, não me pareceu haver nada de particular interesse e limitei-me a limpá-los e a colocá-los em pastas numa organização que reproduzia as pilhas onde estavam. Outro dia, comecei a mexer-lhes com a intenção de irem para a maldita secção de “vários” do ARQUIVO / BIBLIOTECA  onde há coisas menores, conservadas mais por mania de colecionador do que por interesse. Claro que já várias vezes tive surpresas com estes “vários” e agora a surpresa veio antes e levou-me a olhar com mais atenção para os papéis.

Copy 3 of Imagem (222)

Havia entre eles um grupo de brochuras, opúsculos e folhetos, alguns formulários e um livro de assentos, todos ingleses, e na maioria escoceses, sobre agricultura e cooperativismo agrícola. Muitos são dos anos cinquenta, mas alguns são anteriores. Tive curiosidade por eles, tanto mais que havia alguns em stencil e outros impressos, e graficamente eram interessantes. Porém, em breve, encontrei correspondência e manuscritos que permitiam identificar o seu provável possuidor: Henrique de Barros (1904-2000), professor de agronomia, especialista em cooperativismo agrícola em economia rural, autor de inúmeros estudos sobre estas matérias, político da oposição, socialista e que foi Presidente da Assembleia da República. Tudo indica que estes documentos e papéis serviram para os seus trabalhos científicos. Como ainda há metros lineares de papel do mesmo lote por classificar podem aparecer mais documentos de interesse.

Alguns folhetos (em dezenas).

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply