ENTRADA – ESPÓLIO DA LIVRARIA OPINIÃO (1971-1980)

Agradeço a Rui Carneiro a oferta de um dossier com o conjunto de documentação da Livraria Opinião, em Lisboa na Rua Nova da Trindade, 24,  uma das livrarias da resistência anteriores ao 25 de Abril, fundada em 1971 e extinta em 1980. Rui Carneiro foi um dos admnistradores da livraria, que tinha entre os seus sócios, admnistradores e amigos um número significativo de intelectuais, escritores, artistas, arquitectos, oposicionistas da ditadura.

O espólio compreende documentos da sociedade, contabilidade, relatórios e contas, actas, correspondência, notas manuscritas, programas de eventos realizados na livraria, etc.

 

Constituição da sociedade.

Lista de accionistas.

 

Artigo de Maria Velho da Costa sobre a inauguração da livraria (Eva, Janeiro de 1972).

Sátira aos atrasos de Daciano Costa no projecto de decoração do interior.

Projecto de programa para a Galeria – Club.

Convites e programas.

Recortes.

 

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta