EPHEMERA DIÁRIO (26 DE ABRIL DE 2020): PANOS COM HISTÓRIA DENTRO

As capulanas, panos tradicionais usados pelas mulheres, muito comuns em Moçambique e em toda a África Austral, estão bem representadas no ARQUIVO EPHEMERA pela presença de motivos políticos, nacionais e patrióticos. Esta veio da Suazilândia (actual Essuatini)  e representa o Rei Mswati III, um monarca absoluto,  ainda jovem. Com as suas 15 esposas e 25 filhos, o Rei meteu-se em sarilhos pela vida faustosa que levava, bem como a sua família. A complexidade desta activa poligamia também tem sido fonte de escândalos. As organizações internacionais que estudam as violações de direitos humanos acusaram o Rei e as suas polícias de sistemáticos abusos, incluindo o rapto de mulheres para serem suas novas esposas.

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply