ATRASOS

Os trabalhos nos armazéns do Barreiro, a preparação de duas exposições acompanhadas de debate, no ISCTE, Lisboa e em Viseu, as perturbações da pandemia, novas publicações do Ephemera na Tinta da China, e uma série de recolhas urgentes, tem atrasado o regular funcionamento e actualização das notas de agradecimento relativas à recepção de novos espólios e ofertas, que são cada vez mais e em maior número. Pedimos desculpas por estes atrasos, mas nenhuma oferta será esquecida. Do mesmo modo, alguns pedidos de consultas e informações, ofertas de voluntariado, e outras solicitações têm também a resposta atrasada, mas serão sempre respondidos. O mesmo em relação a novos pedidos de recolhas, quase todos em situação de urgência, que tem colocado o nosso sistema de transportes no limite, tanto mais que os prazos são sempre muito curtos. Estamos também a tentar remediar essa situação, mas pedimos desculpa por não poder responder à generosidade dos doadores com a presteza devida.

 

Fotografia de Rui Serrano

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply