ENTRADA – BIBLIOTECA DE ANTÓNIO MANUEL ALVES MARTINS

Agradeço a António Alves Martins a oferta da biblioteca de seu pai, António Manuel Alves Martins (?-2019), que estudou em Paris no fim dos anos 60, foi militante do MES, cinéfilo e professor do ISEG ( e meu amigo e próximo de outros meus amigos, em Direito nos anos finais da década de 60).  Trata-se de uma excelente biblioteca especializada em sociologia, economia, filosofia, política e ciências humanas em geral. Em conjunto com outras duas bibliotecas da mesma natureza, a de Arnaldo Fleming e a de Adelino Torres (esta cobrindo outras áreas de interesse especializado), constituem um notável acervo bilbiográfico nas áreas das ciências humanas. Em complemento, no espólio vem um conjunto muito rico de cartazes, panfletos e autocolantes do MES.  Nos peródicos há um interessante rastro de publicações quer do exílio português em França, quer de jornais políticos franceses à volta de Maio de 1968.

Os livros estão a ser organizados e retirados das 20 caixas enviadas, os cartazes a serem fotografados e outros materiais a serem digitalizados.

(Ver Francisco Seixas da Costa, “António”, Duas ou Três Coisas, 23 de Abril de 2019)

Cartazes.

Periódicos.

Revistas.

 

 

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply