ARQUIVO

ENTRADAS – PAPÉIS DO CENTRO DE ESTUDOS GREGORIANOS DE LISBOA

  Conjunto de papéis, documentos, correspondência, manuscritos, dactiloscritos, fotografias, recortes, partituras, programas, associados à actividade do Centro de Estudos Gregorianos  de Lisboa nos anos cinquenta sob a direcção de Júlia d’Almendra. Para além da documentação relativa aos recitais, aos contactos internacionais, às viagens e à relação directa com a Igreja, […]

ARQUIVO

PAPÉIS DE RAÚL REGO

Muitas vezes, quer por oferta ou aquisição, aparecem papéis cuja proveniência é desconhecida e cujo nexo entre si é impossível de determinar. Como analisamos cada papel individualmente, encontramos algumas vezes uma ligação que nos permite juntá-los. É o caso deste conjunto de papéis  relativos a (ou de ) Raúl Rego. […]

ARQUIVO

ESPÓLIO DE ANITA MÓSCA

Anita Mósca era a mulher de António Pinho (ver ESPÓLIO DE ANTÓNIO (DA CONCEIÇÃO) PINHO ) A escritora era invisual e ditava os seus livros à filha.   Colina de Sede Tu Sabias Vários dactiloscritos Manuscritos Correspondência Recortes

ARQUIVO

ESPÓLIO DE ANTÓNIO (DA CONCEIÇÃO) PINHO

ACTUALIZAÇÃO ESPÓLIO DE ANTÓNIO (DA CONCEIÇÃO) PINHO/”DANIEL SEVERO” /”ANDRÉ VARGA” Agradeço a Teresa Sousa Henriques a oferta do espólio de seu pai,  o escritor e activista político António Pinho. Trata-se de uma importante doação que inclui livros, revistas, recortes, correspondência, manuscritos, dactiloscritos, fotografias, desenhos e quadros, objectos pessoais e outro material […]

Entradas / Doações

ENTRADAS – PAPÉIS DE CONSTANÇA REIS FERNANDES RODRIGUES

Agradeço a Cristina Rodrigues a oferta de um conjunto de papéis próprios e da sua família que estão a ser organizados no ARQUIVO. Entre esses papéis encontram-se os de sua mãe Constança Reis Fernandes Rodrigues (1943), retratando o seu percurso profissional, sindical e político. Neles se incluem materiais do sindicalismo […]

ARQUIVO

LIVROS APREENDIDOS (1972)

Agradeço a José Eduardo Franco de Sousa a oferta de um conjunto de documentação relativa a uma apreensão de centenas de livros (cerca de 450) feita no dia 16 de Março de 1972, primeiro pessoalmente à porta da Livraria Devir e depois em sua casa.  Vários protestos foram feitos quer […]

Entradas / Doações

ENTRADAS – ESPÓLIO FERROVIÁRIO

Agradeço a Carlos Gabriel Ramires Neves a oferta dos seus papéis pessoais, cobrindo várias àreas profissionais e políticas. Trata-se de um acervo muito rico em materiais sobre os caminhos de ferro, quer do ponto de vista técnico, quer dos movimentos sindicais e outros de trabalhadores ferroviários. O acervo é igualmente […]