Posted by: JPP | 14/06/2009

ARQUIVO: PAPÉIS DE JOÃO PATRÍCIO

14-06-2009Por aquisição, entraram no arquivo, há cerca de um ano, um conjunto de papéis, manuscritos, originais dactilografados, correspondência, recortes e outros materiais oriundos de e sobre João Patrício. João Patrício foi escritor, publicista, jornalista, com funções de relevo no aparelho de propaganda do Estado Novo (foi director-adjunto  do Diário da Manhã, Chefe da Repartição da Informação da Emissora Nacional em vésperas do 25 de Abril). Eram de sua autoria as “notas do dia” da Emissora Nacional, um dos principais instrumentos da propaganda na rádio oficial (estão em baixo reproduzidas duas dessas “notas”, incluindo uma posterior ao 25 de Abril, das últimas que fez). Foi autor de abundante bibliografia apologética do regime, incluindo a organização de uma série de publicações sobre a actividade do Presidente  Américo Tomás, para além de livros de poesia e de crónicas ensaísticas.

Entre outros publicou:

Miradouro do mundo, Lisboa , 1957.

O homem entre os homens, Lisboa, 1961.

Américo de Deus Rodrigues Tomás, Segundo ano na chefia da Nação: 1960 , pref. João Patrício, Lisboa, Companhia Nacional, 1963.

Américo de Deus Rodrigues Tomás, Terceiro ano na chefia da Nação : 1961, texto e selecção iconográfica de João Patrício, Lisboa, Companhia Nacional Editora, 1963.

Américo de Deus Rodrigues Tomás, Quarto ano na chefia da Nação: 1962 , pref. João Patrício, Lisboa, Companhia Nacional, 1964.

Américo de Deus Rodrigues Tomás, Quinto ano na chefia da Nação: 1963 ,  pref. João Patrício, Lisboa, Companhia Nacional, 1965.

Diário da viagem do Presidente Américo Thomaz a Moçambique e Ilha do Príncipe 1964, coord. de Joäo Patrício, Lisboa, Ag. Geral do Ultramar, 1965.

Américo de Deus Rodrigues Tomás, Sexto e sétimo ano na chefia da nação,  pref. João Patrício, [Lisboa] , Secretaria Nacional da Informação, 1967.

Editoriais e notas do dia – Das Realidades aos mitos, Emissora Nacional,1969.

O poeta e o mundo : poemas, Coimbra, Atlântida, 1979.

Augusto Gil íntimo, Guarda, Assembleia Distrital, 1989.

Maria Aurora Santos Costa, Mágoas de esperanças : poemas, pref. João Patrício. [S.l.] : M. A. Santos Costa, 1993.

Colaborou no Beira Vouga, Diário da Manhã, Diário de Luanda, O Lusitano, Primeiro de Janeiro, Correio da Manhã, etc.

*

14-Jun-09 Fotografia (2) (2)Cópia de 14-Jun-09 Fotografia (2) (2)

14-Jun-09 Fotografia (3)14-Jun-09 Fotografia (2)

14-Jun-09 Fotografia (3) (2)14-Jun-09 Fotografia (3) (3)

Os papéis compreendem essencialmente três grupos:

– originais manuscritos, dactilografados de poemas, artigos e outros textos:

– correspondência (incluindo um conjunto de cartas de seu pai Ladislau Patrício,  (1883-1967) médico com papel de relevo na luta contra a tuberculose e escritor);

– recortes de artigos próprios e de recensões de livros (essencialmente da década de sessenta).

Para além disso há  material avulso com proveniência de outros autores.


Deixar uma resposta

Categorias