O ASSASSINATO DO TENENTE MORAIS SARMENTO E OS ACONTECIMENTOS DE ANGOLA EM1930

Num arquivo com origem numa figura da oposição republicana que adquiri,  encontrava-se um conjunto de três pastas contendo documentos referentes aos conflitos entre militares em Angola nos primeiros anos da Ditadura , de que resultou o assassinato do Tenente Morais Sarmento em 20 de Março de 1930. O sucedido teve uma enorme repercussão na vida política e militar da colónia. Nas pastas encontram-se jornais, panfletos, documentos dactilografados originais e cópias à papel químico com anotações manuscritas e outras. Muitos desses documentos são relatórios confidenciais enviados a diversas autoridades, mas que não estão assinados. Estão todos aqui reproduzidos, embora alguns, devido à sua grande dimensão, podem apenas ser transferidos e não lidos em linha.

 

CLICAR para transferir o documento completo.

CLICAR para abrir o documento completo.

 


CLICAR para abrir o documento completo.

CLICAR para abrir o documento completo.

CLICAR para abrir o documento completo.

CLICAR para abrir o documento completo.

CLICAR para transferir o documento completo.

2 Comments

  1. Assassinato? O relatório do general Bilstein de Meneses, o último documento que aí está, não concluiu isso. Morais Sarmento respondeu à ordem de prisão disparando sobre os militares que o foram prender.

Leave a Reply