NÚCLEO EPHEMERA SPORT: OS SPORTS ILLUSTRADOS

“O Núcleo Ephemera Sport recebeu um verdadeiro tesouro: a colecção “quase” completa (só falta infelizmente o nº1 ) de um dos mais importantes periódicos desportivos do início do Sec. XX, OS SPORTS ILLUSTRADOS.

Este semanário, publicado aos sábados, desde Junho de 1910 até final de Maio de 1913 (153 números), surgiu numa época de grandes mudanças em Portugal: no dia 5 de Outubro é proclamada a República e este evento irá influenciar também o desporto e o seu papel na sociedade.

“Os Sports Illustrados” acompanha todos estes acontecimentos, mostrando  como o desporto influenciava outras áreas da sociedade portuguesa.

A prática desportiva não era uma actividade de massas: os “sportsmen” pertenciam à nobreza e à alta burguesia, os únicos que tinham tempo para fazer desporto.

E assim nos primeiros números fala-se de ténis, vela, hipismo, cricket, esgrima, todos desportos de elite, mas devagarinho vão também surgindo artigos e fotos de modalidades mais “proletárias” como o futebol, o ciclismo e a natação.

A propósito do futebol, a primeira década do Sec. XX é a altura da sua divulgação entre a população de estratos sociais mais baixos e foi até a própria jovem República a facilitar a sua expansão. Como? Uma das primeiras leis do novo governo (Decreto do dia 10 de Janeiro de 1911) , foi a obrigatoriedade e o direito ao descanso semanal, aos domingos. Assim, os trabalhadores podiam praticar desporto e ver os jogos.

O futebol (e o desporto em geral) teve um papel importante no reconhecimento internacional da jovem República. Não foi por acaso que as primeiras equipas estrangeiras a visitarem Portugal depois da Revolução de 5 de Outubro foram equipas francesas: França foi a primeira nação a reconhecer a Nova República Portuguesa. E no “Os Sports Illustrados” grande destaque foi dado, por exemplo, à vinda do Bordéus em tournée. Mas pensamos também na participação aos Jogos Olímpicos de 1912, de triste memória pela tragédia de Francisco Lázaro. De tudo isto, houve grande destaque  nas páginas do semanário. “Os Sports Illustrados” teve uma duração efémera (mais ou menos 3 anos) mas fica um marco na imprensa desportiva portuguesa, sobretudo pela quantidade de fotos publicadas. As fotografias nos jornais eram muito raras, mas o “Os Sports Illustrados” é uma verdadeira mina de imagens fantásticas, fotos sobre jogos de futebol e de todos os desportos, até sumo e jujistu! É só mergulharmos na colecção para descobrir pérolas e pérolas.”

Eupremio Scarpa

(Mais fotografias aqui)

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply