NÚCLEO DO TEMPO NO EPHEMERA: Agenda Académica (Enciclopédica) para 1939 e o salazarista Nicolau Firmino

“Coisas do Arquivo Ephemera, no seu Núcleo do Tempo. De capa dura e com 122 páginas, é a primeira agenda escolar produzida no país, segundo afiança o seu promotor, na nota introdutória. Inspirada num modelo belga, produzido em Lovaina, também esta é dirigida à juventude católica.

O autor da iniciativa é Nicolau Firmino, figura curiosa e pouco ou nada estudada no universo do Estado Novo. Na Torre do Tombo, no Arquivo Oliveira Salazar, existe abundante correspondência e outro material que Nicolau Firmino remeteu ao líder do regime que, iniciado em Maio de 1926, vigorou até Abril de 1974. Algum do conteúdo desse espólio, que inclui material referente a Humberto Delgado, por exemplo, pode ser consultado online, aqui.

A Agenda Académica para 1939 é produzida no auge da força do Estado Novo, que em 1936 tinha reformulado a super-estrutura do país, com uma nova Constituição, e que se preparava para realizar em Lisboa a maior operação de propaganda do Estado Novo – a Exposição do Mundo Português. em 1940, durante a II Guerra Mundial (1939 – 1945).”

Mais informação e imagens no blogue de Fernando Correia de Oliveira, Estação Cronográfica.

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply