Newsletter

DEVAGAR SE VAI AO LONGE

Tudo está a melhorar. Devagar, mas, dada a extensão da perturbação causada pela moléstia, e da sua reparação, não é de admirar. Mas já estou a trabalhar no EPHEMERA. O livrinho que vêm é um exemplar do Inquérito Linguístico de Paiva Boléo de 1962, com as respostas manuscritas da aldeia de Barrocão […]