UMA CÁPSULA DO TEMPO FEITA DE PEQUENAS COISAS

 

Durante a exposição sobre a censura temos recebido diversas ofertas para o Arquivo, de entre as quais escolhemos esta, parte de uma oferta maior. Trata-se de uma pequena caixinha de onde saíram:

Caixas de fósforos.

Caixas de cigarros albaneses dos anos 60.

Alfinetes diversos.

 

Selo alusivo ao MFA.

Pequena placa da Célula Sorefame do Partido Comunista Português.

 

Este é o espírito do Ephemera, tudo interessa, tudo conta. E muito. Irão agora para os seus respectivos lugares.

Obrigado a Maria Paula Lamas Caeiro, neta de Maria Lamas.

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply